Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Editorial – Fevereiro – ‘Sousel… e as outras!’

  • 2019-02-10 22:00


'Iludamo-nos e entretenhamo-nos com o confortável lobby que sim existe e deixemos, que sejam os anti-taurinos a organizar um evento em Sousel… Santarém e a sua Praça Maior importam e muito, mas Sousel (e as outras) e as suas praças menores, também existem e precisam de ajuda…'

Choca-me o caso de Sousel e… as outras!

Terminado o prazo de apresentação de propostas para organização de um espectáculo tauromáquico, em Sousel (tradicional segunda-feira de Páscoa), eis que nos deparamos, com a triste realidade. Nenhum empresário quis ‘saber’ de Sousel.

Sabemos que a lotação do tauródromo é mínima e que, por isso mesmo, é pouco susceptível de ‘dar guito’, mas, a verdade aqui, é a mesma de outras verdades… Sousel, é porque é economicamente falível, mas, e Viana do Castelo? E Setúbal? E Póvoa de Varzim? E Cabeço de Vide?

Porra, que já chega de dizerem que a festa isto e aquilo… que a bem da festa devemos isto e aquilo… Balelas. Vamos lá todos dar importância ao festival de Lisboa, vamos lá todos dar importância ao Dia da Tauromaquia, vamos lá todos dar importância às lides ‘por colleras’, vamos lá todos ver o Campeão de Equitação de Trabalho ao som do fado, vamos lá todos ver exibições dos miúdos das escolas, com tourinhas e… que se lixem praças como Sousel, Setúbal e Póvoa de Varzim, como de resto se lixou a de Viana do Castelo.

Continuemos a achar que a sobreposição de festivais e corridas, é normal e dar a esse facto, a mesma importância de vender t-shirts com cabeças de toiros estilizadas.

Continue-se a achar, que a imprensa é feita apenas de fotógrafos e fotografias e que as ‘crónicas escritas em ucraniano’ são importantes… e que em nada dão boa imagem da tauromaquia lusa e dos seus verdadeiros profissionais. Continue-se a achar, que os Media Partners da Prótoiro, são e têm que ser os órgãos de comunicação generalistas e continuem a achar, que fazer cartazes, é o mesmo de ser órgão de comunicação.

Iludamo-nos e entretenhamo-nos com o confortável lobby que sim existe e deixemos, que sejam os anti-taurinos a organizar um evento em Sousel… Santarém e a sua Praça Maior importam e muito, mas Sousel (e as outras) e as suas praças menores, também existem e precisam de ajuda…

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0