Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Tribunal não se pronunciou e corrida de Vila do Conde foi adiada

  • 2022-07-23 03:39


A Corrida de Touros anunciada para este sábado em Ferreiró, concelho de Vila do Conde, foi adiada pela organização, a cargo do empresário Paulo Pessoa de Carvalho, depois do Tribunal Administrativo e Fiscal do Porto não ter tomado ainda uma decisão sobre a providência cautelar interposta contra a decisão da Câmara Municipal de Vila do Conde, que não pretende permitir a realização do espectáculo.

“Lamentamos todo o esforço e investimento público levado a cabo pelo município e o seu presidente para obstar à realização deste evento, mas infelizmente terá de gastar mais meios e dinheiros de todos nós, pois não vamos deixar cair este processo”, anuncia a organização, que refere aceitar a decisão do Tribunal, esperando em breve poder anunciar nova data para a realização do espectáculo.

O Juiz, que pode ir até aos dois meses para se pronunciar sobre o assunto, deu mais tempo às partes para que possam apresentar testemunhas, que deverá ouvir em data ainda a anunciar.

A Câmara de Vila do Conde deu parecer jurídico e técnico negativo à realização da corrida de touros. "Todos os pareceres técnicos, nos quais confio plenamente, foram negativos. No aspecto jurídico foram apontadas deficiências em termos legais e regulamentares, os serviços de trânsito disseram que não estavam reunidas condições de circulação no local, nomeadamente as viaturas de emergência, e a Protecção Civil apontou que evento não tinha capacidade para acolher o número de espectadores previstos", disse o presidente do município Vítor Costa.

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0