Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Em directo

Vila Franca de Xira, 5 de Outubro 2017

2017-10-05 16:30:00

7º Juan Leal (Pontes Dias - 500 quilos)

O sétimo toiro da ordem de lide, foi devolvido, da ganadaria Pontes Dias, de 450 quilos de peso, foi devolvido aos currais por evidenciar escassez de força.
Com uma espera que rondou os quinze minutos, entrou na arena o toiro sobrero, da mesma ganadaria que o anterior, Pontes Dias e trapio dissemelhante, ou seja, muito mais rematado de carnes e com 'mais cara'.
Não teve potabilidade o de Pontes Dias, mas, Juan Leal lidou de largo, baseando a sua faena em circulares, tentando cativar a atenção do público já impaciente...
Juan Leal sofreu impressionante voltareta já no término da sua prestação, afortunadamente sem consequências.

Bandarilharam João Pedro e João Oliveira, deixando dois pares cada um...

Juan Leal - Volta

6º Touro - Nuno Casquinha (Pontes Dias - 460 quilos)

A derradeira actuação de Nuno Casquinha nesta ventosa noite vilafranquense, teve por diante, um toiro de Pontes Dias, que se deixou, embora sem deslumbrar na investida.
Casquinha andou bem de capote e muito bem em bandarilhas, num tércio dividido com o bandarilheiro Pedro Gonçalves, também ele bem com 'los palos'.
De muleta, andou com raça, mas, o toiro a rachar-se prontamente, não permitindo triunfo, por não haver ligação e repetição na investida, havendo sim alguma brusquidão.

Nuno Casquinha - Volta

 

5º Touro - Francisco Palha - (Grave - 490 quilos)

Outro toiro rematado e a transmitir emoção.
Francisco Palha foi o toureiro encarregue da sua lide, e que bem esteve... Ainda que de quando em vez tenha consentido um ou outro toque na montada, Palha provou ter coração aos 'montes' e estar aqui para triunfar.
Os últimos curtos foram de grande nota, mas, como ferro de eleição, o primeiro comprido, bom de verdade...

Vasco Pereira, como os restantes forcados, dos Amadores de Vila Franca, consumou pega ao segundo intento.

Francisco Palha - Volta
Vaso Pereira - Volta

4º Touro - Ana Batista (Grave - 550 quilos)

Finalmente houve um toiro em Vila Franca.
Trapio, mobilidade, emoção e mais... quando há toiro e há toureiro, o público emociona-se, levanta-se da bancada e aplaude.
O toiro de Grave cresceu e Ana cresceu com ele. Ainda com alguns toques no início da sua função, Ana actuou em tom crescente e os derradeiros curtos, foram de elevadíssima nota.
Público em pé e a classe de Ana na arena vilafranquense.
Esta actuação foi brindada a Nuno Casquinha e Diogo Vicente.

David Moreira, tentou pega por uma vez, aguentou violentíssimos derrotes, embatendo contra tábuas, caíndo inanimado na arena da Palha Blanco, recolhendo de imediato à enfermaria. A pega foi concretizada ao primeiro fenomenal intento de Francisco Faria.

Nota: Este toiro foi premiado com volta à arena.

Ana Batista - Volta
Francisco Faria - Não deu volta, embora autorizada
Ganadeiro - Volta

3º Touro - Juan Leal (Pontes Dias - 530 quilos)

Numa altura em que já se faz noite em Vila Franca, 'saltou' à arena para a lide do terceiro da ordem, o matador de toiros espanhol, Juan Leal.
Vistoso de capote e voluntarioso na muleta, Leal enfrentou-se com um astado mais brusco na investido, tendo sido desarmado por inúmeras vezes, 'desfeiando' a sua prestação. Ainda assim, o diestro conseguiu alguns passes de profundidade, ainda que isolados.

Bandarilharam de boa maneira, João Pedro e João Oliveira.

Juan Leal - Não deu volta, embora autorizada

2º Touro - Nuno Casquinha (Pontes Dias - 460 quilos)

A representação do toureio a pé, saiu esta tarde à arena, primeiramente pelas mãos de Nuno Casquinha.
O matador, enfrentou-se com um embora pequeno, rematado toiro da ganadaria de Pontes Dias, ao qual deu bom início de faena, com um curto mas bonito tércio de capote.
Casquinha deixou dois pares de bandarilhas, com 'aparente' facilidade, sendo que de muleta e numa faena brindada ao público, exibiu constância da sua técnica, arrancando passes ao oponente, que apesar de tudo teimou em não ligar muletazos.
O diestro teve paciência, ofício e 'arrimón' suficiente para enganchar o público vilafranquense.
Casquinha veste azul escuro e ouro.

Nuno Casquinha - Volta

1º Touro - Ana Batista e Francisco Palha - (D. Luís Passanha - 470 quilos)

A lide do primeiro da ordem, esteve por conta do dueto protagonizado por Ana Batista e Francisco Palha.
A prestação de ambos decorreu sem música, frente a um toiro que desde cedo buscou tábuas.
Os ginetes actuaram em crescendo, sendo que os derradeiros ferros foram os melhores por entre uma prestação de sintonia e entreajuda entre os toureiros.
A função foi brindada aos Amadores de Vila Franca.

A primeira de três pegas a cargo dos Amadores de Vila Franca de Xira, esteve por conta de Guilherme Dotti, sendo efectivada ao primeiro intento.

Ana Bastista e Francisco Palha - Volta
Guilherme Dotti - Volta

Cortesias...

Começa o espectáculo em Vila Franca!
A Corrida promovida pela empresa encabeçada por Paulo Pessoa de Carvalho, começa, sendo que se fizeram já as tradicionais saudações ao público.
Pela arena, passaram já os cavaleiros Ana Batista e Francisco Palha, bem como os matadores de toiros Nuno Casquinha e Juan Leal, acompanhados pela respectivas quadrilhas.
As pegas, estarão por conta dos forcados do Grupo de Amadores de Vila Franca. As reses a lidar, serão das ganadarias de Grave, Passanha e Pontes Dias, havendo assim substituições em relação às anunciadas ganadarias de Santa Maria.

O espectáculo na Palha Blanco, será dirigido pelo Delegado Técnico Tauromáquico, João Cantinho, tendo começado sem a presença do médico veterinário.

A Palha Blanco regista uma entrada que ronda um terço de lotação preenchida.

Adiamento de 1 hora no início do espectáculo...

Embora o TouroeOuro disso tenha dado nota na sua página da rede social, Facebook, importa aqui esclarecer, que a segunda corrida integrada na Feira de Outubro de Vila Franca de Xira, foi adiado uma hora.
O adiamento e segundo 'rezava' o AVISO estampado na bilheteira, dava conta de que fruto a um problema de enjaulamento, o espectáculo se adiaria...
Nas imediações do tauródromo, o adiamento não foi muito 'bem visto', sendo muitos os comentários sobre os reais problemas que terão levado à tomada de tal medida...